ELEIÇÕES 2014
Em entrevista, Souto diz que o alinhamento com o governo federal trouxe mais malefícios que benefícios ao estado
RUI COSTA REBATE AFIRMAÇÕES DE PAULO SOUTO NO BAHIA ECONÔMICA
RESPOSTA

RUI COSTA REBATE AFIRMAÇÕES DE PAULO SOUTO NO BAHIA ECONÔMICA
SECRETÁRIO DIZ QUE AGÊNCIA DE NEGÓCIOS DE SALVADOR SERÁ LANÇADA APÓS AS ELEIÇÕES
ECONOMIA

SECRETÁRIO DIZ QUE AGÊNCIA DE NEGÓCIOS DE SALVADOR SERÁ LANÇADA APÓS AS ELEIÇÕES
COLUNISTAS

QUAL ENTRE OS CANDIDATOS AO GOVERNO DA BAHIA TEM O MELHOR PROGRAMA DE GOVERNO?

FRASE DO DIA

"No próximo debate, Marina vai ser mais testada. Até o encontro da Band, havia uma certa prevenção por parte de Dilma e Aécio, no sentido de deixar Marina andar com as próprias pernas e ver se ela ficava de pé".

Avaliação feita pelo cientista político e professor do Instituto de Ensino e Pesquisa, de São Paulo, Carlos Melo.


 



OUTRAS NOTÍCIAS
01/09 - 20h00m


O candidato presidencial Aécio Neves (PSDB) afirmou em debate entre os presidenciáveis nesta segunda-feira transmitido pela rede SBT, o portal UOL e promovido também pelo jornal “Folha de S.Paulo” e a rádio Jovem Pan que o “Brasil está em recessão técnica” e que “os tão alardeados empregos estão indo embora”.

Segundo Aécio, apenas em São Paulo se fecharam 15 mil postos de trabalho recentemente. Aécio disse, ao responder perguntas da candidata Luciana Genro (PSOL), que o aumento do salário mínimo de 2016 será praticamente nulo, em função do aumento da inflação e do baixo crescimento previsto para 2015. “Para recuperar o valor do salário mínimo precisamos de controle inflacionário e crescimento”, disse.

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 19h14m


A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira que as promessas feitas pela candidata do PSB à presidência, Marina Silva, somam R$ 140 bilhões. Dilma abriu a sessão de perguntas do debate entre os candidatos promovido pela rede SBT, o jornal "Folha de S.Paulo", o portal UOL e a rádio Jovem Pan.

“De onde virá o dinheiro?”, indagou a presidente. Dilma afirmou que o montante equivale a quase todo o gasto em saúde e educação. Ao responder, Marina afirmou que os recursos virão do combate ao desperdício de gastos públicos e ao aumento da eficiência tributária.

A candidata do PSB desmentiu que pretende interromper a exploração do pré-sal e afirmou que pretende continuar usando os royalties gerados pela extração de petróleo destes novos campos para financiar a área social. “O pré-sal deve ser explorado e nós vamos combinar com outras fontes de energia, priorizando as duas coisas”, defendeu Marina.

A candidata disse ainda que os recursos do pré-sal já estão assegurados e que fará bom uso dos recursos, como forma de viabilizar os meios para o desenvolvimento tecnológico e busca de novas fontes de energia e geração de emprego e renda.


.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 18h57m
 

 
Os empresários dos segmentos de hotelaria, bares e restaurantes da Bahia estão defendendo a inclusão do Estado no Horário de Verão. O presidente da Federação Baiana de Hospedagem e Alimentação (FeBHA), Silvio Pessoa, enviou oficio com a solicitação ao ministro de Minas e Energia Edison Lobão e ao governador da Bahia, Jaques Wagner. Para ele, a inclusão beneficiaria o turismo, ampliando o faturamento e a geração de empregos no setor.
 
Desde 2004 que a Bahia não acompanha o horário de Brasília entre os meses de outubro e fevereiro. Pessoa vai além e defende que o Horário de Verão tenha duração de seis meses, pois ajudaria o país nas questões energéticas, para inibir o risco de apagão e racionamento.
 
A FeBHA, que representa os sindicatos do setor nos municípios de Salvador, Ilhéus, Porto Seguro, Itaparica e Mata de São João, representa 3,5 mil meios de hospedagem, além de 30 mil bares e restaurantes. Juntos, os estabelecimentos geram mais de 1 milhão de empregos diretos em todo o Estado da Bahia.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 18h34m


Em resposta às afirmações do candidato Paulo Souto (DEM), feitas durante entrevista ao site Bahia Econômica, publicada nesta segunda-feira (1º), o candidato a Governador da Bahia, Rui Costa (PT), disse que “por desconhecimento da atual realidade baiana ou imbuído do interesse de construir um cenário irreal e catastrófico, com objetivos eleitorais, o candidato do DEM distorce os fatos, sobretudo em relação à produtividade e à competitividade do estado”.

Segundo Rui Costa, a Bahia está acima da média de todos os estados brasileiros em cinco temas de um total de oito avaliados na pesquisa do The Economist Intelligence Unit (EUI). “Também figura com as mais altas médias do Nordeste e acima da média geral em categorias como política para investimentos estrangeiros, ambiente econômico, regime tributário, inovação, sustentabilidade e recursos humanos. Tudo isso resultado garantido pelas políticas públicas praticadas pelo governador Jaques Wagner, a partir de 2007”, disse.

O petista afirmou que Paulo Souto administrou a Bahia duas vezes (2003-2006 e 1995-1998) e “nada fez para recuperar mais de 70 anos de atraso em infraestrutura logística do estado. A gestão petista de Wagner recuperou 8 mil quilômetros de estradas, com investimento de R$ 2,8 bilhões, enquanto no governo dele, a única ação para as rodovias era a operação tapa-buracos”. De acordo com Rui, para tirar 20 aeroportos da situação de total sucateamento, o governo estadual e federal estão investindo R$ 548 milhões. “Somem-se a esses valores os R$ 5,6 bilhões que serão aplicados no Porto Sul, mais R$ 4,3 bilhões na Ferrovia Oeste – Leste (Fiol)”.

O candidato do PT destacou que, dos 417 municípios baianos, apenas nove ainda não estão com acesso pavimentado às principais rodovias estaduais. “As obras de infraestrutura feitas nos últimos sete anos e oito meses resgatam o Estado do triste cenário logístico registrado durante a gestão do ex-governador. Naquele tempo os prejuízos anuais eram de mais de R$ 120 milhões, só com perda de produção de grãos, frutas, cobre, minério e tantas outras riquezas, que ficavam nos buracos das estradas, em acidentes ou roubos de carga. A falta de logística inibiu as conquistas de novos mercados e, apesar do crescimento na produção, a Bahia sofria com a infraestrutura envelhecida, baseada apenas no modal pneu”, frisou.

Segundo as explicações de Rui Costa, a idade média das rodovias era de 45 anos e das ferrovias ultrapassava os 70 anos. “Foi somente a partir do governo do ex-presidente Lula que o projeto da Fiol, idealizado há 50 anos pelo engenheiro e ex-deputado Vasco Neto, foi resgatado. A presidente Dilma Roussef  colocou as obras em curso e, atualmente, 10 mil pessoas trabalham nos lotes em andamento em território baiano. Com a Fiol e o Porto Sul, o escoamento das riquezas produzidas longe do litoral alcançarão o mercado exterior em menos tempo e  menor custo”.

O petista afirmou que o Governo do Estado tem se empenhado em resolver os gargalos portuários. “Investiu R$ 40 milhões na recuperação física e de equipamentos do Porto de Aratu, fato que não acontecia há 40 anos. O terminal da Wilson & Sons, no Porto de Salvador, realizou investimentos de R$ 180 milhões para elevar seu berço de atracação para 340 metros com a aquisição de novos equipamentos. Com isso, a Bahia voltou a poder receber os navios de porte maior. O Porto do Malhado, em Ilhéus, está operando com atração de grandes embarcações, graças às recentes obras de dragagem”, pontuou.

Segundo o candidato Rui Costa, a Via Expressa Baía de Todos os Santos teve investimentos de R$ 450 milhões e resolveu os problemas de acessibilidade ao Porto de Salvador, facilitando o escoamento de mercadorias e desafogando o tráfego em áreas de grande congestionamento na capital. Na capital, os investimentos do PAC2 para mobilidade superam R$ 8,5 bilhões.

“A implantação da Foton Caminhões, no município de Camaçari, está em processo de liberação do financiamento pelo Desenbahia para o início das obras civis. A JAC Motors recentemente divulgou nota pública reafirmando a implantação de unidade para fabricação de veículos leves no pólo automotivo de Camaçari, negando boatos plantados de que havia intenção de alterar a localização de sua planta industrial. As obras civis da fábrica estão previstas para serem iniciadas em outubro”, disse Rui.

De acordo com ele, a duplicação da BR-101 teve Ordem de Serviço assinada em agosto passado, em ato que contou com a presença do ministro Sérgio Passos, que no mesmo ato autorizou o início das obras de duplicação da BR-116.

“Portanto, nada do que prega o candidato do DEM corresponde à realidade. O Plano de Governo Participativo, apresentado por nossa coligação Pra Bahia Mudar Mais, propõe avançar nas conquistas registradas por Wagner, acelerar os investimentos em infraestrutura e logística, no adensamento das cadeias produtivas, no fortalecimento dos pólos regionais de desenvolvimento, no aumento da oferta de cursos técnicos e superiores”, ressaltou o petista, reafirmando que há três anos consecutivos o PIB da Bahia vem crescendo mais do que a média nacional.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 18h24m

 

Após uma semana de inauguração, realizada pela Prefeitura no último dia 22, a nova orla da Barra segue encantando moradores e frequentadores de um dos pontos mais belos e queridos de Salvador. O espaço compartilhado – uma das novidades do local e que será implantado também em outros pontos da capital baiana – têm permitido às pessoas tanto o passeio quanto a prática esportiva à beira-mar.
 
A estação de compartilhamento público de bicicletas, disponibilizada pelo Movimento Salvador Vai de Bike próximo ao Porto da Barra e que estava desativada antes da inauguração, já contabilizou mais de 700 viagens das “laranjinhas” em sete dias. Os ciclistas, que possuem mais espaço para circular do Porto ao Barra Center por meio do piso compartilhado e com tráfego de veículos reduzido, também contam com paraciclos gratuitos – no Porto e no Forte Santa Maria – para estacionar as bikes.
 
As lixeiras subterrâneas seletivas também tem demonstrado que as pessoas cada vez mais também estão preocupadas com a preservação do local e do meio ambiente. De acordo com a Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), já foram recolhidos 63 metros cúbicos de resíduos – secos e úmidos, do equipamento localizado nas proximidades do Forte Santa Maria.


 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 18h21m
 
 
Além de restaurar a BA-001 entre Nazaré das Farinhas e Valença, o candidato a governador, Paulo Souto, da coligação “Unidos pela Bahia”, anunciou que está em seu plano de governo a construção dos trechos da rodovia estadual que faltam nas regiões Sul e Extremo-Sul.
 
Para Paulo Souto, a conclusão desta BA-001 vai contribuir bastante para o fortalecimento do turismo nessas regiões. “São regiões turísticas que vão ter maior acessibilidade e, por conseguinte, atrairão mais visitantes, aumentando a geração de emprego e renda para seus habitantes”, afirmou o candidato oposicionista.
 
A proposta foi comemorada pelo ex-prefeito do município de Prado, Jonga. “A conclusão da BA-001 vai estimular a economia na nossa região, impulsionando os negócios e o turismo em Prado, que hoje é o terceiro maior polo hoteleiro do estado, com mais de 6,5 mil leitos”, informou, lembrando que pediu, quando era prefeito, atenção especial do governador Wagner à questão, mas não obteve sucesso.
 
Refletindo a insatisfação com a atual administração petista, os apoios à chapa majoritária da oposição se multiplicam diariamente. Nesta segunda-feira (1º), a coligação “Unidos pela Bahia” ganhou o reforço de lideranças de Manoel Vitorino, Conde, Jitaúna, Gongogi, Jeremoabo, Ubaitaba, Ituaçu, Barra da Estiva, Uibaí, Itamaraju, Camamu, Ribeira do Pombal, Nilo Peçanha, Itapitanga, Barro Alto, Valente e Cocos.
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 18h10m
 
 
Após começar o dia operando perto da estabilidade nesta segunda-feira (1), o dólar fechou em alta. Em dia de feriado nos Estados Unidos, investidores permaneceram atentos ao quadro eleitoral brasileiro e às expectativas de novos estímulos do Banco Central Europeu (BCE).
 
A moeda fechou em alta de 0,26%, a R$ 2,2448. Ele referia-se às expectativas de que o BCE adote um programa de compra de ativos para impulsionar a enfraquecida economia da zona do euro, que mantinham o euro perto das mínimas em um ano sobre a moeda dos EUA. Segundo pesquisa da Reuters, a percepção é que isso deve ocorrer até março, injetando ainda mais liquidez nos mercados globais.
 
Na semana passada, a moeda acumulou queda de 1,82%. No mês de agosto, a redução foi de 1,36%, e no ano, de 5,03%.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 17h58m


O Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, começou setembro em baixa, caindo 0,24% nesta segunda-feira (1º), a 61.141,27 pontos. Na semana passada, a Bolsa acumulou ganhos de 4,93% e, em agosto, valorização de 9,78%.

A Bolsa brasileira ficou sem referência externa nesta segunda, pois os mercados norte-americanos ficaram fechados devido ao feriado do Dia do Trabalho. A Bovespa operou em alta durante quase toda a sessão, chegando a subir mais de 1% e a passar dos 62 mil pontos, mas perdeu força na última hora das negociações e passou a cair.

As ações da Vale, que têm grande peso sobre o Ibovespa, fecharam em queda. As preferenciais da mineradora (VALE5), com prioridade na distribuição de dividendos, caíram 0,85%, a R$ 25,75. As ordinárias (VALE3), com direito a voto, perderam 0,58%, a R$ 28,95. É a oitava sessão seguida em que as ações da empresa recuam, devido às constantes quedas do preço do minério de ferro na China.

No mercado de câmbio, o dólar comercial fechou em alta de 0,26%, a R$ 2,245 na venda. A moeda norte-americana acumulou perdas de 1,82% na semana passada, e de 1,36% em agosto. As informações são do uol.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 17h50m
 
 
A partir desta quarta-feira (3), a Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate a Pobreza (Semps) vai disponibilizar aulas de teatro para crianças e adolescentes que residem em Ilha de Maré, dentro do projeto TransformARTE. O lançamento acontecerá às 10h na Rua do Dendê, s/n, na comunidade de Santana, área de abrangência do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) da região.
 
O projeto é destinado a menores de 18 anos. Os interessados devem comparecer ao local da oficina para fazer a inscrição levando cópia de carteira de identidade e CPF do responsável, da carteira de identidade ou certidão de nascimento da criança ou adolescente, comprovante de residência, atestado de frequência escolar ou matrícula escolar e Cartão do Bolsa Família com Número de Identificação Social (NIS).
 
As aulas de teatro serão ministradas uma vez por semana, sempre às quartas-feiras, nos turnos matutino e vespertino. A coordenação técnica é do presidente do Sindicato dos Artistas e Técnicos da Bahia (Sated), Fernando Marinho. 
 
O TransformARTE - Projeto de Transformação Social pela Arte - é uma ação da Prefeitura de Salvador sob coordenação da Semps. A intenção é oferecer, gratuitamente, ensino continuado de música, teatro e dança nos 28 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), administrados pelo município.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 17h04m


O acordo entre Brasil e França na área de Previdência Social já está em vigor. A proposta foi promulgada, com publicação de decreto no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 01. Conforme explica o Ministério da Previdência Social (MPS), cerca de 77 mil brasileiros que residem na França (incluindo a Guiana Francesa) e 30 mil franceses serão beneficiados.

Os franceses que vivem no Brasil poderão comparecer a qualquer agência da Previdência Social para requerer a totalização do tempo de contribuição e solicitar benefícios como aposentadoria por idade, pensão por morte e aposentadoria por invalidez. O mesmo passa a valer para os brasileiros que estão na França.

As novas regras estão presentes no decreto nº 8.300, publicado no Diário Oficial da União de hoje. O ato é assinado pela presidente Dilma Rousseff e pelos ministros das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado, e da Previdência, Garibaldi Alves Filho. Conforme cita a decisão publicada hoje, esse acordo havia sido firmado entre os governos brasileiro e francês em dezembro de 2011.

O aumento da cobertura previdenciária inclui também o auxílio-doença. Além dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social (RGPS), estão previstos também benefícios dos Regimes Próprios de Previdência Social (de servidores federais, estaduais, distritais e municipais) e o deslocamento temporário, que é de 24 meses, prorrogáveis pelo mesmo período. As informações são da Agência Estado.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 16h24m
 
 
Com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento de atividades educacionais e recreativas, a Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município (Sucom) realizou pela primeira vez a doação de 15 equipamentos sonoros apreendidos em ações de fiscalização para a Fundação Hora da Criança. A ação da superintendência está respaldada na Lei 8.459/13, que permite a doação de bens apreendidos pelo poder público para entidades sem fins lucrativos. 
 
De acordo com o superintendente da Sucom, Silvio Pinheiro, “a doação é uma forma de transformar um problema grave em Salvador, que é a poluição sonora, em uma ação benéfica para a sociedade”.
A instituição contemplada trabalha com a promoção de uma educação de qualidade para jovens de Salvador por meio da arte. Para Carmem Lúcia Rodriguez, educadora da Fundação, a doação da Sucom foi feita em um ótimo momento. “A contribuição é muito significativa para a Hora da Criança. Trabalhamos com arte visual, música, teatro e dança e nossos equipamentos estão bastante desgastados em função do tempo. A doação chegou em boa hora”, afirmou.
 
Representantes de instituições sem fins lucrativos devem comparecer à sede da Sucom localizada no Dois Leões. A doação dependerá de pedido da entidade interessada, que deve apresentar os documentos comprobatórios da sua personalidade jurídica; da investidura do representante legal que tenha assinado o pedido; da entrega da última Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ) e da declaração de utilidade pública, ou do certificado de qualificação como Oscip atualizados.
 
De acordo com a Lei 8.459/13, O infrator que tiver seu equipamento gerador de som apreendido pela fiscalização terá o prazo de 60 dias para, efetivando o devido pagamento por dia de apreensão, solicitar, junto a Sucom, a devolução do bem.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 15h57m
 

 
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou hoje (1º) que vai conceder empréstimo-ponte de R$ 965,75 milhões à Concessionária BR-040, do Grupo Invepar, no âmbito do Programa de Investimentos em Logística (PIL).

Segundo o BNDES, os recursos serão aplicados nas obras previstas para os dois primeiros anos do contrato de concessão até que seja concluída a análise do empréstimo de longo prazo. O  dinheiro corresponde a 69% dos gastos iniciais previstos, que incluem melhorias no pavimento e na sinalização e segurança, além dos sistemas elétricos e de iluminação.
 
A Concessionária BR-040 venceu o leilão de concessão de um trecho de 937 quilômetros da BR-040, que liga Juiz de Fora, em Minas Gerais, a Brasília, passando por Belo Horizonte. Oito grupos disputaram o leilão, em dezembro. O grupo vencedor, Invepar, ofertou preço de pedágio 61,13% inferior ao teto fixado pelo governo.

De acordo com o BNDES, deverão ser gerados 5.920 empregos diretos e indiretos até a conclusão das obras no quinto ano de concessão. Na operação da rodovia, a Concessionária BR-040 S.A. empregará 800 trabalhadores.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 15h45m


A balança comercial brasileira teve um superávit de US$ 1,168 bilhão em agosto, informou nesta segunda-feira o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Esse é o pior resultado para o mês desde 2001, quando houve um saldo positivo de US$ 634 milhões. No mesmo mês do ano passado, o superávit foi de US$ 1,222 bilhão.

No mês, foram US$ 20,465 bilhões em exportações e US$ 19,297 bilhões em importações. Dessa forma, o resultado acumulado no ano é superavitário em US$ 259 milhões.

Somente a quinta semana de agosto teve um superávit de US$ 1,034 bilhão, com exportações de US$ 5,355 bilhões e importações de US$ 4,321 bilhões. As informações são do Valor.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 15h44m
 

 
Salvador vai sediar a 30ª Reunião do Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais de Assistência Social (Fonaceas). O evento terá início na próxima terça (02) e segue até a sexta (05), no Hotel Monte Pascal, com a presença de presidentes dos conselhos estaduais, vice-Presidentes, conselheiros e secretários executivos, além de representantes da Secretaria Geral da Presidência da República e da Controladoria Geral da União.
 
O encontro busca promover o alinhamento de conceitos e a articulação das ações dos Conselhos Estaduais de Assistência Social, reforçando o papel do controle social e da participação da sociedade civil organizada. Na pauta, estão previstos a apresentação dos temas relevantes para o reforço da consolidação do controle social e o papel das organizações da sociedade civil, além da construção da Carta da Bahia, motivadora de melhorias na atuação dos conselhos estaduais e fortalecimento da participação da sociedade civil.



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 15h26m


Salvador vai reunir, a partir desta terça (2) até quinta-feira (4), alguns dos mais importantes especialistas em Parcerias Público-Privadas (PPP) do Brasil e do mundo para discutir os resultados e perspectivas do modelo. Os debates acontecem em torno de dois eventos: o seminário "PPP: resultados e perspectivas" e o encontro da "Rede Intergovernamental para o Desenvolvimento das Parcerias Público-Privadas (PPP) no Brasil".

Os encontros são uma realização da Secretaria da Fazenda da Bahia (Sefaz-Ba), através da Secretaria-Executiva de PPP do Estado, em parceria com a Agência de Fomento do Estado (Desenbahia), a Estruturadora Brasileira de Projetos (EBP) e o International Finance Corporation (IFC). Mais informações estão disponíveis no site www.sefaz.ba.gov.br/seminario10anosppp. As discussões acontecem no espaço multiuso da Arena Fonte Nova.

No primeiro dia, uma das palestras mais aguardadas é a do chefe de PPP para a América Latina da International Finance Corporation, Richard Cabello, que irá falar sobre as tendências da PPP no continente. A IFC, membro do Grupo Banco Mundial, é a maior instituição de desenvolvimento global voltada para o setor privado nos países em desenvolvimento. Cabello é gerente do Departamento de Assessoria em Transações de PPPs para América Latina e o Caribe da IFC desde 2007, e lidera uma equipe que apoia os governos na estruturação de PPPs em setores como transportes, saúde, educação e telecomunicações, entre outros.

No segundo dia do Seminário, um dos temas a ser discutido são as lições aprendidas sobre PPP na Europa: melhores práticas, processos de renegociação e temáticas afins. O palestrante será Javier Encinas, diretor do Departamento Internacional de Infraestrutura do Reino Unido (IUK), encarregado de assessorar o governo britânico em planejamento, priorização, financiamento e desenvolvimento de infraestrutura. O Reino Unido é considerado o berço mundial das Parcerias Público-Privadas.

“Para proferir as palestras, procuramos convidar pessoas com experiências diversas, buscando ainda um balanço entre convidados oriundos do setor público e do privado, de modo a oferecer à plateia diferentes visões e perspectivas sobre o tema”, explica Mara Souza, assessora técnica da Secretaria Executiva de PPP da Bahia e uma das organizadoras dos eventos.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 15h14m


Além de considerar fundamental promover a inclusão de toda a região do semiárido no processo produtivo baiano, “até porque é uma região que ocupa dois terços do território estadual”, Rui Costa, candidato a governador pela coligação Pra Bahia Mudar Mais, reafirmou, em entrevista à TV Educadora, nesta segunda-feira (01), que seu plano de governo estabelece como principais prioridades fazer grandes investimentos em saúde, educação, segurança e na área de logística, “com obras estruturantes tanto na capital como no interior”.

Na visão do candidato, a Bahia precisa se consolidar como grande polo de produção no País, para tornar-se um Estado competitivo e capaz de atrair investimentos sem apelar para a guerra fiscal, “mecanismo usado anteriormente e que está ultrapassado”. Na área da Saúde, Rui Costa destacou suas propostas de regionalizar o atendimento e dar mais agilidade à regulação, trabalhando para ampliar a oferta dos serviços médicos da rede pública, “construindo sete novos hospitais e fazendo parcerias com a rede privada e filantrópica, criando o programa Saúde Para Todos”.

Na Educação, o candidato do PT reiterou seu propósito de investir no ensino em tempo integral e no aumento de vagas no ensino profissional: “Nós vamos implantar o ensino em tempo integral em pelo menos 300 escolas e aumentar para 150 mil o número de vagas nas escolas técnicas, além de fazer parcerias com empresas públicas e privadas para garantir estágio a todos os estudantes do ensino profissional, aumentando as oportunidades de emprego”.

Como parte de seus planos para a área da segurança pública, Rui Costa informou que, além de aumentar o número de policiais para 40 mil, irá implementar um programa de instalação de câmeras também nas pequenas cidades do interior e criar pelotões especiais, para dar mais eficiência à investigação e perseguição aos marginais. Quando perguntado sobre sua proposta para a área cultural, disse que irá aumentar os investimentos na área, criar o Circuito Cultural do Interior e ampliar e melhorar os espaços culturais, dando o exemplo do Teatro Castro Alves, em Salvador, “que nós vamos transformar num dos três maiores do País”.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 15h01m
 
 
O valor de mercado de empresas na Bovespa atingiu o máximo histórico no último dia de negociação em agosto, puxada pela valorização das ações dos setores de bancos e de petróleo e gás, de acordo com levantamento feito pela Economatica.
 
As empresas que tem capital aberto alcançaram R$ 2,59 trilhões de valor de mercado – que é o total calculado das ações multiplicado pelo número de papeis da empresa – em 19 de agosto, o maior valor desde dezembro de 2002. No total, a Bovespa tem 328 empresas listadas, ou seja, que tem seu capital aberto em forma de ações.
 
No mês de agosto, o valor de mercado das empresas que estão na bolsa cresceu R$ 196,5 bilhões, o maior crescimento mensal em valor, se acordo com a consultoria. O setor bancário, com 22 instituições, é o que apresenta maior valor de mercado, no total de R$ 561,8 bilhões, e o maior crescimento em valor, de R$ 70,4 bilhões.
 
O segundo setor com maior valor de mercado da Bovespa é o de alimentos e bebidas, com 16 empresas: R$ 382 bilhões. O setor de petróleo e gás, com 7 empresas, é o terceiro setor com maior representatividade, com valor de R$ 310,9 bilhões, e também o setor com o maior crescimento nominal no mês de agosto, com R$ 55,6 bilhões.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 14h54m


O valor de mercado das empresas brasileiras na Bovespa somou R$ 2,59 trilhões na última sexta-feira (29), o maior nível desde 2002. O valor de mercado é obtido multiplicando o número de ações da empresa pelo preço de cada ação, e é diferente do valor patrimonial. O levantamento foi feito pela consultoria Economatica e divulgado nesta segunda-feira (1º).

Ao longo do mês de agosto, o valor de mercado das empresas brasileiras subiu R$ 196,5 bilhões, que também foi o maior crescimento mensal da história, segundo a consultoria.De acordo com a Economatica, o cálculo envolve todas as empresas que tinham capital aberto no período levantado. Portanto, o número total de empresas considerado é variável ao longo do tempo.

O setor bancário (que abrange 22 empresas) é o que apresentava maior valor de mercado da Bolsa em agosto, com ações que valiam R$ 561,8 bilhões. Em seguida, aparece o setor de alimentos e bebidas, com 16 empresas e valor de mercado de R$ 382 bilhões.

Sete empresas de petróleo e gás tinham valor de mercado de R$ 310,9 bilhões, aparecendo em terceiro na lista. O setor de energia elétrica, com 40 empresas, registrou valor de mercado de R$ 192,7 bilhões em agosto. As informações são do uol.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 14h37m
 

 
Sucesso entre moradores e frequentadores, a roda-gigante localizada no Farol da Barra ficará mais 15 dias no local, de acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Turismo e Cultura (Sedes). Disponibilizada ao público desde o dia 22, quando foi inaugurada a nova orla do bairro, o equipamento já arrecadou 3.250 kg de alimentos não perecíveis, 600 peças entre brinquedos e agasalhos e o montante de R$10 mil.
 
O brinquedo tem capacidade para 64 pessoas e permite ao usuário ter uma perspectiva da obra de requalificação a 20 metros de altura. O acesso é feito mediante a doação de um quilo de alimento, roupas ou brinquedos. Aos que desejam contribuir com uma quantia em dinheiro, é possível realizar a doação no espaço em uma urna disponibilizada para receber as contribuições.
 
Os materiais arrecadados com o atrativo serão destinados a instituições filantrópicas da capital através do Grupo Corrente do Bem. A organização atua há dois anos e meio no auxílio a instituições carentes da cidade e conta com o apoio de 130 colaboradores.
 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 14h23m
 

 
A União dos Municípios da Bahia (UPB) apresentou ontem (31), a resolução do "3º Encontro de Prefeitos – Saúde Pública, Desafio da Gestão", realizado em Guarajuba. Na Carta da Saúde, documento retirado do encontro, a entidade oficializa as reivindicações e compromissos dos gestores debatidas ao longo dos três dias de evento. As pauta contendo as principais necessidades dos 417 municípios baianos será  entregue à Presidência da República, ao Ministério da Saúde, Câmara dos Deputados e Senado, assim como ao Governo do Estado da Bahia. A presidente da UPB, Maria Quitéria, assinou a carta junto com todos os prefeitos e secretários municipais da saúde presentes no evento e embarca para Brasília nesta terça (02), onde entregará o documento nas mãos da presidente Dilma, durante reunião agendada com presidentes de associações municipalistas estaduais,no Palácio do Planalto. 
 
Na Carta, os prefeitos se comprometeram a lutar por mais recursos para financiamento da saúde no Brasil e na Bahia; Buscar, junto ao Tribunal de Contas dos Municípiosda Bahia, a exclusão, na análise das contas dos gestores municipais, dos gastos com pessoal, para fins do art. 18 e 19 da LRF, dos recursos repassados pela União para pagamento de pessoal na execução de seus programas, minimizando assim os impactos da Lei de Responsabilidade Fiscal da gestão da saúde; Mobilizar o Congresso Nacional para aprovação de projeto de lei que exclua da Lei de Responsabilidade Fiscal os limites para contratação de profissionais para prestação de serviço de saúde; Viabilizar a implementação das Redes de Atenção à Saúde com foco num modelo de atenção que priorize as necessidades da população, planejando e desenvolvendo ações articuladas com a Atenção Básica à Saúde
 
No texto consta ainda fortalecer a Atenção Básica à Saúde para que possa assumir de fato seu papel de Ordenadora do Cuidado e Coordenadora da Rede de Atenção à Saúde na Bahia de modo a consolidar este modelo organizativo do SUS no Estado; Participar do esforço tripartite visando organizar a gestão da judicialização e ao mesmo tempo propor ações junto ao poder judiciário, manter e ampliar a relação com o Ministério Público e defensorias com vistas à redução da judicialização; e fortalecer a parceria entre UPB e COSEMS/BA com vistas a melhoria do papel destas entidades no processo de consolidação do SUS na Bahia;


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 13h51m
 
 
Com investimentos da ordem de R$ 2,3 milhões, a nova iluminação em LED da Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida como Suburbana, será entregue ainda nesta quinzena. A implantação do equipamento é totalmente bancada com recursos próprios da Prefeitura e permitirá uma economia de 50% no consumo de energia. Para receber o novo equipamento foram realizados trabalhos de adaptação da rede elétrica e manutenção de postes, como pintura e aplicação de antiferrugem. O serviço é executado através da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) e teve inicio no mês passado.
 
Segundo o diretor de Iluminação da Semop, Hélder Campos, até sexta-feira (5) a etapa de manutenção deve ser finalizada para que as novas luminárias possam ser instaladas. Ao todo, são implantadas 660 novas lâmpadas em 330 postes em toda a extensão da avenida. Além da iluminação, a região do Subúrbio vem recebendo investimentos em outros setores como pavimentação, com montante previsto para 2014 de R$ 30 milhões, e requalificação das orlas de São Tomé de Paripe e Tubarão, com entrega marcada para fim de setembro e inicio de outubro.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 13h21m
 
 
Segundo pesquisa, feita pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV) o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) encerrou agosto em alta de 0,12%. A taxa é o dobro da apurada na última prévia (0,06%), mas está abaixo da registrada no começo do mês (0,16%), mostra que seis dos oito grupos pesquisados apresentaram acréscimos. 
 
O grupo alimentação foi o que influenciou a média inflacionária ao reverter a queda média de 0,01% para alta de 0,13%. Entre os itens que ficaram mais caros está a carne bovina (de -0,54% para 0,34%).

No grupo habitação, o índice subiu de 0,27% para 0,34%, puxado, principalmente, pelo condomínio residencial (de -0,28% para 0,05%). Em saúde e cuidados pessoais, o aumento foi 0,35% ante 0,27%.




Entre as despesas em alta no grupo estão os serviços de salão de beleza, que passaram de 0,30% para 0,71%. No grupo despesas diversas, a taxa passou de 0,14% para 0,19% com influência vinda das clínicas veterinárias que reajustaram seus preços em 1,81% ante 1,15%. Em transportes, diminuiu a intensidade de queda (de -0,06% para -0,02%), reflexo da venda de gasolina a preços variando -0,40% ante -0,55%. E, em vestuário, houve movimento semelhante (de-0,70% para -0,50%).

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 13h03m
 

 
O governo federal ampliou de R$ 800 milhões para R$ 1,9 bilhão o valor das contratações envolvendo operações de crédito destinados ao saneamento econômico e financeiro das empresas estatais de energia elétrica. A medida, anunciada na semana passada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (1º), em resolução do Banco Central. Por meio dela, a autoridade monetária pretende facilitar a reestruturação de dívidas dessas empresas.
 
A decisão foi motivada pela aquisição da Companhia Energética de Goiás (Celg) pela Eletrobras. No caso da Celg Distribuidora, foi feito um acordo com a Eletrobras e com o estado de Goiás de venda do controle da companhia. "Para a Eletrobras adquirir a Celg, foi necessário que a empresa mudasse seu perfil de dívida”, explicou Aílton Madureira, coordenador-geral de Investimento Público do Tesouro Nacional, durante o anúncio das medidas.

Assim, uma estatal do setor poderá alterar o perfil da sua dívida, negociando o pagamento em um prazo maior ou trocando o perfil de juros, de uma dívida com juros mais caros para uma com níveis mais baratos. Apesar de motivada pela negociação entre Celg e Eletrobras, a medida vale para as demais estatais de energia elétrica.



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 12h41m


O dólar virou, após começar o dia operando em queda ante o real, nesta segunda-feira (1), com investidores atentos ao quadro eleitoral brasileiro e a expectativas de novos estímulos do Banco Central Europeu (BCE). Por volta das 11h30 desta segunda, a moeda norte-americana operava em alta de 0,04%, a R$ 2,240 na venda.

O dólar fechou a sexta-feira (29) em queda de 0,01%, a R$ 2,2390, após o anúncio de contração de 0,6% da economia brasileira no segundo trimestre em relação ao primeiro, colocando a economia em "recessão técnica". Na semana passada, a moeda acumulou queda de 1,82%. No mês de agosto, a redução foi de 1,36%, e no ano, de 5,03%. (G1)

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 12h14m


Os preços do etanol hidratado nos postos brasileiros caíram em 12 Estados, subiram em outros 12 e ficaram estáveis no Amapá, em Minas Gerais e no Distrito Federal na semana encerrada no sábado, 30.

Na anterior, havia sido registrada queda em 15 Estados, alta em sete e estabilidade em outros quatro e no Distrito Federal. Os dados são da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e mostram que no período de um mês os preços do etanol caíram em 11 Estados e no Distrito Federal, subiram em 12 e ficaram estáveis no Amapá, Pernambuco e Tocantins.

Em São Paulo, principal Estado consumidor, a cotação recuou 0,11% na semana passada, para R$ 1,873 o litro. No período de um mês, acumula alta de 0,16%. Na semana, o maior recuo das cotações foi registrado no Acre (2,05%), enquanto que a maior alta ocorreu na Bahia (3,60%). No mês, o maior recuo ocorreu no Mato Grosso (3,53%), enquanto que o avanço mais significativo foi observado no Ceará (0,93%).

No Brasil, o preço mínimo registrado para o etanol foi de R$ 1,56 o litro, no Estado de São Paulo, e o máximo foi de R$ 3,20/litro, no Acre. Na média, o menor preço foi de R$ 1,873 o litro, em São Paulo. O maior preço médio foi verificado no Amapá, de R$ 2,875 o litro. (EC)

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 11h46m


A espanhola Telefónica planeja sair da Telecom Italia após o grupo espanhol finalizar a compra da unidade brasileira de banda larga da francesa Vivendi, a GVT, disse o presidente do Conselho da companhia, César Alierta, nesta segunda-feira (1), encerrando uma participação de muito tempo.

Relações tensas entre as companhias da Espanha e da Itália culminaram na semana passada quando a Telefónica venceu a Telecom Italia na compra da GVT, um golpe contra a companhia italiana que pode transformá-la num alvo de aquisição em uma indústria que se consolida rapidamente.

"Após a operação da GVT a mensagem é clara, não queremos permanecer na Telecom Italia", disse Alierta para jornalistas após participar de uma conferência sobre telecomunicações em Santander, no norte da Espanha. A Telecom Italia não quis comentar. (Reuters)



.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 11h28m


 

A demanda por voos domésticos registrou crescimento de 0,6% em julho de 2014, na comparação com o mesmo mês de 2013, informou nesta segunda-feira (1º) a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). No acumulado dos sete primeiros meses do ano, a alta é de 5,6%.

Segundo a agência, as empresa transportaram, em viagens dentro do país, 8,3 milhões de passageiros pagos em julho, o maior número para o mês dos últimos dez anos. Azul e Avianca tiveram o maior crescimento da demanda por voos domésticos em julho: 26,1% e 23,8%, respectivamente, quando comparado ao mesmo mês do ano passado. A Gol teve alta de 8,1% e, a TAM, queda na demanda de 7,6%.

“No acumulado do ano, a quantidade de passageiros transportados cresceu 6,9%. A Gol foi a empresa que mais transportou passageiros no mercado doméstico em julho de 2014, com 3,11 milhões, seguida pela TAM, com 2,78 milhões, e pela Azul, com 1,72 milhões”, diz nota da Anac.

Na mesma comparação (julho de 2014 contra julho de 2013), a oferta de assentos pelas empresas aéreas do país teve retração de 2,9%. No acumulado do ano a queda é de 0,3%. Já a taxa de aproveitamento dos assentos atingiu 81,6%, o maior índice para julho dos últimos dez anos.

A demanda por voos internacionais feitos por empresas aéreas brasileiras teve alta de 3,3% em julho de 2014. No acumulado do ano, a demanda aumentou 2,4%. A oferta de assentos para esses voos, porém, teve queda de 3,1% em julho e de 5,4% no acumulado dos primeiros sete meses do ano. De acordo com a Anac, foram 570,3 mil passageiros transportados em voos internacionais em julho, o maior número para o mês dos últimos dez anos. (G1)

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 10h57m


A Bovespa iniciou o pregão desta segunda-feira (1) operando em alta. Às 10h45, o Ibovespa subia 1,48%, a 62.194 pontos. Na sexta-feira, a Bovespa fechou em alta na sexta-feira (29), último pregão de agosto, e terminou o mês com valorização de 9,78%, maior ganho mensal desde janeiro de 2012, segundo dados da consultoria Economatica. Também foi o melhor agosto em 11 anos, desde 2003, segundo a Reuters.

A valorização foi influenciada pelo resultado do PIB do 2º trimestre deste ano, divulgado pelo IBGE, que mostrou que o país entrou em recessão técnica, com dois trimestres seguidos de PIB negativo.

A economia brasileira encolheu 0,6% no segundo trimestre de 2014 sobre os três meses anteriores e recuou 0,9% na comparação anual. No dia, o principal índice da Bovespa subiu 1,65%, para 61.288 pontos, maior pontuação desde 23 de janeiro de 2013. Na semana, houve valorização acumulada em 4,93% e no ano, em 18,99%.

A recessão técnica da economia brasileira mostrada pelo PIB do segundo trimestre e revisão para baixo do desempenho no primeiro trimestre não foi suficiente para interromper o movimento de alta da bolsa paulista, já que foi vista por investidores como mais um obstáculo para a reeleição de Dilma Rousseff (PT). Na semana passada, a bolsa acumulou valorização de 3,22% e no mês, de 7,99%. No ano, os ganhos já alcançam 17,05%. (G1)

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 10h33m


Em contato com o portal Bahia Econômica, o secretário de Desenvolvimento Turismo e Cultura de Salvador, Guilherme Bellintani, disse em relação a matéria do portal sobre a Agência Salvador Negócios que a empresa ainda não foi anunciada oficialmente por conta da realização das eleições federais, em outubro.

Desde junho a agência já está formalizada e vai ser uma associação civil sem fins lucrativos, informou o secretário. “No papel ela [a agência] já existe, mas decidimos não lançar antes das eleições porque tem a participação de muitos empresários e não queremos envolver questões eleitorais. Queremos evitar que ela seja lançada num período tão tumultuado como as eleições”, afirmou.

Ainda conforme Bellintani, no máximo 15 dias após o término das eleições a Agência Salvador Negócios será lançada. Se não houver segundo turno, já em outubro haverá o lançamento, no entanto, se as eleições se estenderem, a data será definida para novembro.

Ao Bahia Econômica, Bellintani adiantou que o local para o funcionamento da agência será no Mundo Plaza, que fica na Av. Tancredo Neves, no Caminho das Árvores. Ele afirmou também que a agência já tem logomarca, equipe técnica e superintendente definidos, mas não pôde revelar os nomes previamente ao portal.
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 10h15m


O dólar começou o dia com leve queda ante o real nesta segunda-feira (1), com investidores atentos ao quadro eleitoral brasileiro e a expectativas de novos estímulos do Banco Central Europeu (BCE). O dólar fechou a sexta-feira (29) em queda de 0,01%, a R$ 2,2390, após o anúncio de contração de 0,6% da economia brasileira no segundo trimestre em relação ao primeiro, colocando a economia em "recessão técnica".

Às 9h40 desta segunda, a moeda norte-americana caía 0,17%, a R$ 2,2351 na venda.

Na semana passada, a moeda acumulou queda de 1,82%. No mês de agosto, a redução foi de 1,36%, e no ano, de 5,03%.

Na manhã desta segunda, o Banco Central dará continuidade às intervenções diárias no mercado de câmbio, com oferta de até 4 mil swaps cambiais, que equivalem a venda futura de dólares, com vencimentos em 1º de junho e 1º de setembro de 2015. A operação ocorrerá entre 9h30 e 9h40 e o resultado será conhecido a partir das 9h50.

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 10h02m


A partir desta segunda-feira (1º), o metrô de Salvador começa a funcionar uma hora mais cedo. De segunda a sexta, os trens trabalham das 8h às 16h e, aos sábados, das 8h às 13h, e não mais a partir das 9h.

O novo horário vale entre 1º e 14 de setembro, ainda em fase experimental, sem custos à população. A partir do dia 15, começa a operação comercial do metrô, sob responsabilidade da concessionária CCR. O modal passará a funcionar todos os dias, das 5h à meia-noite, com tarifa prevista de R$ 3,10.

Hoje, o metrô de Salvador opera com cinco estações: Lapa, Campo da Pólvora, Brotas, Acesso Norte e Retiro. Os trens que já estão em operação têm capacidade para transportar 6 mil passageiros por hora.

No entanto, o número deve aumentar à medida em que chegarem novos trens e forem inauguradas novas estações. O trajeto atual é de 7,5 km,  percorrido em 16 minutos - em horário de pico, o mesmo trajeto é feito de ônibus em cerca de 50 minutos.

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 09h45m


Na mais recente edição do relatório Focus, a projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2014 ficou estável em R$ 2,35 por dólar. Para o término de 2015, a previsão dos analistas para a taxa de câmbio permaneceu em R$ 2,50 por dólar.

Em relação a projeção para o superávit da balança comercial (resultado do total de exportações menos as importações) em 2014, houve recuo de US$ 2,50 bilhões para US$ 2,17 bilhões na semana passada. Para 2015, a previsão de superávit comercial ficou estável em US$ 8 bilhões.

Para este ano, a projeção de entrada de investimentos estrangeiros diretos no Brasil permaneceu em US$ 60 bilhões. Para 2015, a estimativa dos analistas para o aporte caiu de US$ 56 bilhões para US$ 55 bilhões.

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 09h21m


A expectativa do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do país, ficou estável, na semana passada, em 6,27% para este ano. Para 2015, a previsão do boletim Focus avançou de 6,28% para 6,29%, conforme os dados divulgados hoje.

Pelo sistema que vigora atualmente no Brasil, a meta central tanto para 2014 quanto para 2015 é de 4,5%, mas com intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. Desse modo, o IPCA pode oscilar entre 2,5% e 6,5% sem que a meta seja formalmente descumprida.

Já a previsão do mercado para a taxa básica de juros (Selic) da economia brasileira, foi mantida em 11% ao ano na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central que acontece nesta semana. A decisão será anunciada na próxima quarta-feira (3) após as 18h.

A expectativa dos analistas dos bancos é de que a taxa permaneça em 11% ao ano até o fechamento de 2014. Para o fim de 2015, a previsão dos analistas para o juro básico recuou de 12% para 11,75% ao ano.
 

 

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 09h12m


Quase 45% dos leitores do Bahia Econômica acham que a candidatura de Marina Silva pode ser boa para a economia brasileira, mas cerca de 29% deles diz que isso acontecerá se ela mantiver as propostas de Eduardo Campos.  

No entanto, quase 28% afirmam que não e que a candidata do PSB é mais atrasada que Dilma, enquanto 17% dizem que a candidatura de Aécio Neves é o melhor para a economia brasileira. Aproximadamente 10% afirmam, todavia, que nada vai mudar com ou sem Marina.

A próxima enquete do Bahia Econômica quer saber do leitor qual, entre os programas de governo apresentados pelos candidatos à governador, é o melhor para a Bahia.  

.............................................................................................................................................................................................................................................
01/09 - 09h06m


Receber a casa de um cliente como garantia para um empréstimo sempre foi uma opção pouco ofertada pelos bancos brasileiros. Mas isso deve mudar. Neste mês, o governo anunciou uma medida que permite que 3% dos recursos captados via poupança sejam usados como fonte de dinheiro para o crédito com garantia de imóvel, também chamado de home equity. O estímulo poderá injetar até R$ 16 bilhões nessa linha de crédito, segundo previsão do governo.

Com mais fontes de recursos, a expectativa é de que os bancos reduzam os juros cobrados nessa linha. Boa notícia para o consumidor, já que essa modalidade permite empréstimos de valores altos - os bancos emprestam até cerca de 60% do valor do imóvel dado como garantia. Em contrapartida, o imóvel do comprador, muitas vezes o único da família, está em jogo, o que exige cautela.

De acordo com Octavio de Lazari Junior, presidente da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) e diretor do Bradesco, o estímulo a essa linha é válido, uma vez que há um grande número de profissionais liberais que recorrem ao crédito pessoal para abrir ou ampliar seu negócio. Além disso, no crédito com garantia de imóvel, os prazos para pagamento são mais longos e muitas vezes ultrapassam dez anos.

Não há dados oficiais do tamanho da carteira de crédito com garantia de imóvel no Brasil, mas os especialistas estimam algo entre R$ 10 bilhões e R$ 15 bilhões. Nos principais bancos, as taxas de juros giram em torno de 1,5% ao mês (ou cerca de 20% ao ano).

Com o incentivo do governo e os juros menores, o home equity tem tudo para ganhar mais espaço. Na próxima década, conforme Venim, o produto tem potencial para galgar meio trilhão de reais e ser maior que a linha com desconto em folha de pagamento. A carteira de home equity do Intermedium soma R$ 450 milhões e vem crescendo a um ritmo de 60% a 70% ao ano, segundo o executivo.

Para quem se animou, é preciso calma antes de colocar o imóvel próprio como garantia para um empréstimo. O presidente da Associação Brasileira de Mutuários da Habitação (ABMH), Leandro Pacífico, considera que uma campanha de conscientização deveria vir acompanhada dos estímulos do governo à modalidade. Pacífico é taxativo em sua avaliação sobre vantagens e desvantagens. "É o pior crédito possível do ponto de vista da segurança familiar".

A coordenadora institucional da associação de consumidores Proteste, Maria Inês Dolci, avalia que ainda é cedo para saber se os bancos vão baixar os juros dessa linha. Ela recomenda planejamento e o uso desse crédito com cautela e para investimento em projetos sólidos, já que em caso de inadimplência o imóvel pode ser perdido. (EC)

 

.............................................................................................................................................................................................................................................