politica

politica

NA SUA OPINIÃO QUE SETOR DA ECONOMIA BAIANA VAI SOFRER MAIS COM A CRISE?

“Nós vamos discutir esse assunto na reunião do dia 13 de abril. É uma reunião da Executiva para avaliar a relação com o prefeito ACM Neto, nossa aliança, se estamos realmente satisfeitos”

Ivanilson Gomes
Presidente do PV na Bahia, falando sobre a saída da legenda do poder municípal  

BAHIA INVEST

30/03/ - 10h22m
POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PRODUÇÃO DE LEITE E CAFÉ SÃO DISCUTIDAS


Articular políticas públicas e trilhar o caminho do desenvolvimento sustentáveldos Territórios Sudoeste e Médio Rio de Contas. Com esse objetivo, a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) se reuniu com representantes de cooperativas da região, no auditório da Cooperativa Mista Agropecuária Conquistense (Coopmac), durante a Exposição de Vitória da Conquista 2015 (ExpoConquista).

O evento, coordenado pela Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf), no final de semana, contou com a participação das cooperativas de Assessoria Técnica e Educacional para o Desenvolvimento da Agricultura Familiar (Cootraf), dos Produtores dos Derivados de Leite da Região do Rio Gavião (Coodeleite), de Trabalho do Sudoeste da Bahia, (Coopersuba), Mista dos Pequenos Cafeícultores de Barra do Choça (Cooperbac) e Mista Agropecuária dos Pequenos Agricultores do Sudoeste da Bahia (Coopasub).

Os participantes discutiram a chamada pública de Assistência Técnica Rural (Ater), lançada pelo Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA), que contratou a Cootraf e a Cooperbac para prestar assistência técnica e extensão rural na cadeia produtiva do leite e do café, respectivamente, a 800 agricultores familiares do sudoeste baiano, buscando o aumento da produtividade e da renda dos beneficiários.

Da pauta também constou a construção de uma estratégia para a recuperação e o fortalecimento dos laticínios localizados nos municípios de Guajeru, Mortugaba e Tremedal, que foram construídos pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), mas estão desativadas. Houve ainda discussão sobre a capacitação de técnicos da Cootraf, da Coopersuba e da Cedasb, responsáveis pela coordenação e execução de Ater, e a compra do café e outros alimentos da agricultura familiar pela SDR, por meio da modalidade PAA Compra Institucional.

 

...........................................................................................................................................................................

30/03/ - 08h22m
RUI COSTA ANUNCIA INVESTIMENTO EM CENTRO DE CULTURA NA RIBEIRA


A Associação Fábrica Cultural, que comemora 11 anos de incentivo à cultura neste domingo (29), ganhou de presente o apoio do Governo do Estado para as obras de reforma e revitalização da sede, um casarão localizado na orla da Ribeira, na Cidade Baixa.

O anúncio do investimento foi realizado no fim da tarde pelo governador Rui Costa, que visitou o projeto Mercado Iaô, da Associação, acompanhado da primeira-dama, Aline Peixoto, de secretários estaduais e demais autoridades. Apoiada pelo Governo estadual, através do Fazcultura, das secretarias de Cultura e da Fazenda, a Fábrica Cultural incentiva e organiza a produção cultural de moradores da Península de Itapagipe.
O casarão antigo onde fica o grupo deverá passar por reforma em breve. Segundo o governador, o próprio espaço é uma homenagem ao povo soteropolitano e à capital baiana, que completa 466 anos neste dia domingo.

"Eu acredito que essa é uma das paisagens mais bonitas de Salvador e nada melhor do que valorizar esse espaço onde já acontece tanta manifestação cultural. Pretendemos investir no projeto de reforma para que a Associação Fábrica Cultural se torne um centro de cultura de referência no nosso estado", anunciou o governador, pouco depois de cumprimentar frequentadores, artesãos e chefs que expõem seus trabalhos no espaço.

Neste domingo, foi realizada a 16ª edição do Mercado Iaô, organizada no espaço da sede aos domingos, das 10h às 19h. O projeto tem o objeto de reunir todos os produtores em um só local e abrir para a visitação gratuita, incentivando a produção de cultura e a geração de renda, através da economia criativa. E para comemorar o aniversário de 11 anos, o público foi presenteado com um show da presidente da associação, a cantora Margareth Menezes, que comemorou o anúncio.

"Eu, que sou da Península de Itapagipe, fico feliz de ver a realização desse projeto, com tanta gente envolvida, ajudando e mudando a vida das pessoas, através da arte, que foi o que mudou a minha vida. A vinda do governador na Associação e a reforma é só a consagração de um trabalho que fazemos há 11 anos", comemorou Margareth.

 

...........................................................................................................................................................................

26/03/ - 07h55m
GOVERNADORES DO NORDESTE BUSCAM REDUÇÃO DE IMPOSTOS COM DILMA
 

 
Os governadores do Nordeste conversaram ontem com a presidente do Brasil, sobre a possibilidade de se pagar menos impostos e trabalhar por um equilíbrio fiscal. De acordo com o governador do Maranhão, Flávio Dino, primeiro se encontraram separadamente com as bancadas dos seus estados e, em seguida, com governadores, senadores e deputados do Nordeste. 
 
“Vamos convidar todos, independentemente do partido, para que possamos debater o ajuste e definir a nossa posição, e deixar claro a posição dos governadores de apoio às medidas de ajuste fiscal. Precisamos substituir a atual agenda política e econômica do país pela construção do cenário futuro. É por isso que afinamos com a presidenta a questão do financiamento da saúde, da segurança pública”, disse.

Além do ajuste fiscal, os governadores defenderam o acesso a financiamentos internos e externos e a continuidade de obras que geram empregos nos estados, como as dos programas de Aceleração do Crescimento e Minha Casa, Minha Vida. Segundo o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, na reunião com Dilma, ela garantiu que não vai haver paralisação de nenhuma obra, particularmente as que fazem parte da infraestrutura hídrica da região. “Você não pode parar porque quando você desmobiliza uma obra, a empresa dá baixa na carteira dos trabalhadores, até que ela vai novamente funcionar, você gasta muito mais”, afirmou.


 

...........................................................................................................................................................................

25/03/ - 08h32m
EMPRESA FARÁ OBRAS COMPLEMENTARES NA FEIRA DE SÃO JOAQUIM


Uma nova empresa será contratada para realizar serviços complementares na obra de requalificação da Feira de São Joaquim, em Salvador. O aviso de licitação publicado ontem, no Diário Oficial do Estado, ainda se refere à primeira fase  da terceira etapa das obras, que estão atrasadas desde 2012.

Segundo o Correio, os serviços, que beneficiam 252 feirantes, garantem a conclusão dos galpões que abrigam os boxes voltados para a venda de animais vivos, peixes, artigos religiosos e produtos da culinária baiana.

As obras já licitadas em todo o complexo vão demandar R$ 8 milhões e ainda não têm prazo de conclusão. De acordo com a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder), a atual empresa responsável pela execução da reforma é a Metro Engenharia, a quarta a assumir as obras desde que foram iniciadas, em 2012. Entretanto, não estava previsto em seu contrato a realização desses complementos.

A Metro Engenharia foi contratada somente para a primeira fase do projeto e, para as demais fases, outras licitações devem acontecer. O governador Rui Costa, inclusive, havia anunciado, em fevereiro, que o projeto de reforma do local será alterado, mas ainda não divulgou as mudanças.
           
 

...........................................................................................................................................................................

24/03/ - 07h42m
HOSPITAL DA BAHIA VAI INVESTIR R$ 4 MILHÕES EM AMPLIAÇÃO
 

 
O Hospital da Bahia deu início a seu plano de expansão, que visa chegar a 520 leitos de internação e unidades fechadas (UTIs e emergência) até 2017. Para este ano está previsto um investimento de R$ 4 milhões par ampliar em 21 os leitos de terapia intensiva e em 32 os de terapia semi-intensiva. Esta aplicação também vai incorporar ao hospital mais uma máquina de hemodinâmica para diagnóstico e terapia de problemas cardíacos. “Este investimento vem sendo realizado com recursos próprios, englobando neste montante as obras civis e a nova máquina de hemodinâmica. E ensejará que cheguemos a aproximadamente 300 leitos e 100 leitos de terapia intensiva e semi-intensiva, com um incremento importante no nosso faturamento”, afirma o superintendente executivo do hospital, Marcelo Zollinger.


 

...........................................................................................................................................................................

23/03/ - 10h10m
CASAS DE MEL INCREMENTAM RENDA DE PRODUTORES NO NORTE BAIANO


A produção de mel está agregando renda para 522 famílias de agricultores de Remanso, Pilão Arcado e Campo Alegre de Lourdes, no norte da Bahia. Kits de apicultura do Plano Brasil sem Miséria entregues pela Codevasf tem proporcionado uma nova fonte de renda para toda região.

Os beneficiados receberam visitas técnicas de acompanhamento para implantação correta do kit e demonstração do manejo do apiário. Na comunidade de Sítio Novo do Pedrão, em Campo Alegre de Lourdes, seu Raimundo Rodrigues da Silva, está esperançoso com a nova atividade.

A ação integra o eixo de inclusão produtiva do Plano Brasil sem Miséria. Os kits são compostos por colmeias, suportes, indumentárias, fumigadores e outros itens. Seu Salvador José de Sousa Neto, apicultor em Campo Alegre de Lourdes, sempre sonhou em produzir mel. Com a chegada do kit o que era sonho virou realidade.

Desde 2012, cerca de R$ 12 milhões estão sendo investidos pela Codevasf em ações voltadas ao incremento da atividade apícola no estado. Os recursos também foram utilizados na construção de unidade de beneficiamento de mel em Sento Sé e um entreposto de mel em Casa Nova.

 

...........................................................................................................................................................................

23/03/ - 08h24m
RUI ANUNCIA REFORMA E AMPLIAÇÃO DE HOSPITAL EM SALVADOR

 



O governador Rui Costa visitou o Hospital João Batista Caribé, localizado no bairro de Coutos, no Subúrbio Ferroviário de Salvador, e na manhã deste domingo e anunciou que ele será reformado e ampliado.

Acompanhado do secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, e de uma equipe da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), ele vistoriou as instalações, conversou com profissionais da unidade e ouviu as demandas de pacientes, além de verificar as áreas destinadas à construção de novos setores. O objetivo é transformar o hospital em unidade de referência para o atendimento às mulheres.
 
“Nós vamos fazer uma completa reforma, reestruturação e ampliação do hospital, transformando aqui no Centro de Referência da Mulher. Vim acompanhado do secretário e do pessoal da Conder, os engenheiros e arquitetos, para ver as áreas, as possibilidades de ampliação, tanto no fundo como na lateral, e ver, inclusive, os projetos possíveis de reestruturação”, disse o governador. Segundo Vilas-Boas, o hospital atenderá não apenas à população do Subúrbio de Salvador.

...........................................................................................................................................................................

20/03/ - 08h01m
BAHIA GANHA CENTRO DE CONVENÇÕES PARA MAIS DE 1.000 PESSOAS
 

 
A área de eventos do Deville Prime Salvador passará por reformulações a partir de outubro deste ano. Um dos diferenciais do novo projeto é uma grande sala, que comportará até 600 pessoas em auditório e outra com capacidade de até 100 pessoas, além de outras 8 salas com capacidades variadas, já existentes. No hall de entrada, haverá também um espaço para exposições e confraternizações. "Será uma área multiuso, inclusive para coffee breaks e buffets", adianta a gerente geral da unidade, Sandra Haas. O valor estimado do investimento é de R$ 8 milhões - em recursos próprios da Rede Deville, que possui nove hotéis no País.
 
Após a conclusão da obra, o Deville Prime Salvador irá disponibilizar dez salas de eventos, sendo a principal delas com pé direito de 5,3 metros. Ao todo, o hotel poderá atender a mais de 1.000 convidados simultaneamente. Duas das salas serão moduláveis. O projeto ficou a cargo do consagrado arquiteto baiano André Sá, que traz em seu currículo projetos como o do Complexo Costa do Sauípe. Já a decoração ficou a cargo da arquiteta curitibana Catherine Moro.
 
O novo centro de convenções contará com duas entradas, uma interna e outra anexa ao acesso principal do hotel para convidados externos. O local também irá oferecer banheiros para pessoas com necessidades especiais e cozinha de apoio, além de 200 de vagas no estacionamento.
 
De acordo com Sandra Haas, o objetivo é ampliar a oferta de espaço para a realização de eventos na capital baiana. "Atualmente, possuímos oito salas de eventos, sendo a maior com capacidade para 300 pessoas em auditório. Com isso, não conseguíamos atender a todos os clientes, pois as demandas são variadas. Com o novo Centro de Convenções, nossos clientes ganharão um espaço amplo, aliado ao serviço de excelência, já conhecido da Rede Deville", comemora a gerente. 


 

...........................................................................................................................................................................

19/03/ - 12h18m
GOVERNO APRESENTA PROJETO PORTAL DA ÁGUA EM EVENTO EM SALVADOR


Para auxiliar os processos de gerenciamento relacionados às questões hídricas no estado, a Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS) apresentou no 2º Seminário Governança das Águas, que acontece na Fundação Luis Eduardo Magalhães (Flem), em Salvador, o Projeto Portal da Água.

A ferramenta de monitoramento pretende reunir informações de todos os órgãos, secretarias e entidades relacionadas à agua, em um ambiente único e sistematizado para facilitar a tomada de decisões por parte dos governos e da sociedade.

"A ideia é utilizar os dados já disponíveis em instâncias públicas e privadas para organizar o fluxo de comunicação, integrar as informações, fazendo com que os diversos segmentos interajam e potencializem suas ações. Porém, o Portal da Água só terá êxito com o apoio e a união de todos os elos desta cadeia", afirmou o secretário Cássio Peixoto, na abertura do evento, na quarta-feira (18), representando o governador Rui Costa.

O seminário faz parte das atividades em comemoração do Dia Mundial da Água (22 de março) e é promovido pela Associação Pré-Sindical dos Servidores do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Ascra), com o apoio das secretarias estaduais de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), Desenvolvimento Rural (SDR) e Meio Ambiente (Sema). As atividades prosseguem até o próximo domingo. 
 

...........................................................................................................................................................................

19/03/ - 11h00m
RUI INAUGURA FÁBRICA DE CALÇADOS EM SANTO ANTONIO DE JESUS
 
 

Considerado o município mais importante do Recôncavo baiano, Santo Antônio de Jesus acaba de receber mais um incremento econômico. Começou a entrar em operação na cidade, às margens da BR-101, a nova unidade fabril do grupo Calçados Ramarim. A inauguração ocorreu na manhã desta quinta-feira (19), com a presença de diretores da empresa e diversas autoridades, entre elas, o governador Rui Costa.
 
Cerca de 600 vagas diretas de emprego foram geradas nesta que é a terceira fábrica do grupo na Bahia - as outras duas estão em Jequié. A expectativa dos diretores é que, nos próximos meses, o número de empregos chegue a 700, pois ainda há postos a serem preenchidos.
 
Para Rui Costa, fábricas de calçados são empresas de mão de obra intensiva que causam forte impacto econômico onde se instalam. "O investimento é baixo, mas a quantidade de pessoas empregadas é alta. Este tipo de empreendimento interessa muito ao Estado da Bahia, porque dá oportunidade de as pessoas trabalharem, além de gerar renda nas nossas cidades e comércio".
 
As contratações estão sendo realizadas por meio do Serviço Estadual de Intermediação para o Trabalho (SineBahia) ou diretamente na sede da Ramarim, em Santo Antônio de Jesus. Aos 34 anos, a monitora de fábrica Perpétua Fernandes é uma das centenas de mulheres que tiram da manufatura o sustento da família. "Depois que a outra indústria que eu trabalhava faliu, a gente ficou sabendo que ia vir outra fábrica pra cá. Graças a Deus, ela [a Ramarim] chegou e tem dado emprego a muita gente. Agora está ótimo. Estou empregada, com minha carteira [profissional] assinada".
 


 

...........................................................................................................................................................................

18/03/ - 07h23m
MAIS DUAS ESTAÇÕES DO METRÔ FICAM PRONTAS EM ABRIL
 

 
O Governo do estado anunciou que o metrô de Salvador vai ter mais duas estações em Abril.  São as estações de Bom Juá e Pirajá. A primeira tem inauguração prevista para o dia 9 de abril, marcando o início da operação de mais dois quilômetros, no trecho que segue do Retiro até a estrutura nova.
 
Atualmente, a linha segue desde a Lapa, passando pelo Campo da Pólvora, Brotas, Acesso Norte, até Retiro, todas já em operação, sob responsabilidade da CCR Metrô Bahia. Com as integrações, a linha chegará a cerca de dez quilômetros de extensão, com a entrega do próximo mês, e vai beneficiar mais 60 mil pessoas da região, de acordo com o secretário de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Carlos Martins.  

O percurso até Pirajá tem previsão de conclusão das obras até junho. Os 150 mil metros quadrados, onde está sendo construído um complexo, vai dar apoio a todo o sistema do metrô, com pátio de manutenção, centro de controle operacional definitivo, estrutura necessária para reparos dos trens, além da estação. 

Também já está em obra a Linha 2 do metrô, que vai do Acesso Norte até Lauro de Freitas, com a construção de mais onze estações, passando por regiões como o Detran, Iguatemi, Imbuí, Bairro da Paz e Mussurunga.


 

...........................................................................................................................................................................

17/03/ - 17h48m
PONTE SALVADOR-ITAPARICA: SEPLAN ENVIA NOTA AO PORTAL, MAS DÚVIDAS PERSISTEM


Em nota de Esclarecimento enviada ao Bahia Econômica, relacionada com a matéria " Gabrielli gastou R$ 90 milhões na Ponte Salvador-Itaparica, hoje inviabilizada” a coordenação técnica do Projeto Sistema Viário Oeste – Ponte Salvador-Ilha de Itaparica, vinculada à Seplan, informou que a equipe montada para o projeto não está desmobilizada, mas continua trabalhando e que várias ações estão sendo realizadas.

O comunicado concorda, no entanto, como afirma a matéria, que a construção da ponte é inviavel no momento atual. “É preciso concordar com a reportagem do Bahia Econômica quando esta afirma que a atual 'situação do país' política e econômica, exige corte de investimentos públicos e adiamento da execução de alguns grandes projetos, como é o caso do SVO (Sistema Viário do Oeste)” diz a nota, referindo-se à ponte, mas conclui que “a Seplan acredita que a presente conjuntura será superada”.

Em relação à  McKinsey & Company, a nota afirma que não procede a informação de que a empresa de consultoria internacional “não apresentou qualquer produto relacionado à consultoria”,  e diz em caráter de explicação: “os relatórios da McKinsey & Company serviram de base para várias dezenas de apresentações realizadas pela SEPLAN em eventos públicos na Capital e no interior do Estado”. 

Em relação a esse ponto, o Bahia Econômica continua vendo desproporção entre o resultado desse trabalho - “material para apresentação em eventos públicos” - que não foram divulgados ao público em geral  e o valor de R$ 40 milhões que está sendo pago à referida consultoria. O comunicado da Seplan informa, no entanto, que os referidos documentos estão sendo analisados pelo TCE.

A nota ressalta que o EIA-RIMA do projeto já está pronto e já foi protocolado no INEMA e que, com o aceite,  será  iniciada a fase de audiências públicas; Informa que os Projetos Básicos de Engenharia da Ponte e do trecho Salvador-Ponte do Funil (BA-001) estão em fase final, devendo ser concluídos até o final de maio;

Segundo o texto,  o Governo do Estado está decidido a ampliar os estudos de engenharia, em nível de projeto funcional, para o trecho, a ser duplicado, entre a Ponte do Funil e o entroncamento entre as BRs 116 e 242 (atuais BA-001, BA-046e BA-026);

Essas informações mantêm as dúvidas levantadas pela equipe do portal, no sentido de que, mesmo sabendo da inviabilidade do projeto e num momento de forte aperto nas contas estaduais, o governo permanece gastando recursos sabendo das dificuldades para a construção da ponte.
 

...........................................................................................................................................................................

17/03/ - 10h01m
GOVERNO PODE TER FORÇA-TAREFA PARA ANTECIPAR OPERAÇÃO DE EÓLICAS


O governo federal deve colocar em prática uma força-tarefa para acelerar a liberação de documentos que vão permitir a antecipação da entrada em operação de parques eólicos, que produzem energia por meio do vento.

A medida vem sendo negociada pelo Ministério de Minas e Energia e a Associação Brasileira de Energia Eólica (Abeeólica). Na quinta-feira (12), uma reunião foi realizada em Brasília para discutir as ações necessárias para viabilizar essa antecipação.

De acordo com a presidente da associação, Elbia Silva Gannoum, o setor tem condições de adiantar em até 5 meses a entrada em operação de até 1 GW (gigawatt) em potência instalada, capaz de gerar cerca de 450 MW (megawatts) médios, energia que equivale a pouco mais que dois meses de consumo de uma cidade como Brasília.

Essa eletricidade será produzida por cerca de 30 parques eólicos na Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Piauí, cuja construção foi contratada em leilões feitos pelo governo federal. Eles deveriam entrar em operação entre setembro e dezembro de 2015 mas, segundo Elbia, estão com as obras adiantadas e podem começar a gerar energia entre junho e novembro. (G1)

 

...........................................................................................................................................................................

16/03/ - 09h18m
GOVERNO FEDERAL VAI CONSTRUIR 21 CENTROS ESPORTIVOS NA BAHIA
 
 
O governo federal irá construir 285 Centros de Iniciação ao Esporte (CIEs) em áreas de vulnerabilidade social em todo o país. Na Bahia, até o próximo ano, a perspectiva é que 21 equipamentos estejam prontos para ser utilizados. O objetivo é viabilizar uma nova oportunidade para crianças e adultos que busquem no esporte uma nova oportunidade de vida.
 
Em todo o estado, 20 municípios serão beneficiados, entre eles Salvador, que terá dois equipamentos - em Itapuã e Pau da Lima. A estimativa é que as obras sejam iniciadas no primeiro semestre deste ano. As intervenções têm previsão de término de 180 dias.
 
Segundo informações do Ministério do Esporte, os projetos dos municípios de Alagoinhas, Jacobina, Eunápolis, Jequié, Itabuna, Lauro de Freitas, Vitória da Conquista, Serrinha, Porto Seguro, Guanambi, Feira de Santana e Teixeira de Freitas estão em fase de licitação das obras.
 
Já os projetos de Salvador, Ilhéus, Paulo Afonso, Valença, Juazeiro, Camaçari, Barreiras e Simões Filho estão na fase de entrega e de análise de documentos pela Caixa Econômica Federal, que vai financiar os centros. Os centros possuem três modelos, com áreas diferentes 
 
Na capital baiana, os centros têm custo de cerca de R$ 3,1 milhões cada. Para Senna, eles também serão responsáveis por estimular a formação de atletas.
"Estes jovens estarão fazendo uma atividade, não ficarão na rua. É possível que muitos deles se tornem atletas, abrindo um leque de oportunidades na vida".


 

...........................................................................................................................................................................

16/03/ - 08h08m
COMPLEXO ACRÍLICO NO POLO DE CAMAÇARI TERÁ IMPACTO DE US$ 300 MI NA ECONOMIA


Com o início da produção do Complexo Acrílico da Basf, ainda em fase pré-operacional, o Polo Industrial de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), ganha sobrefôlego para enfrentar os cenários até então nada animadores da economia nacional. O empreendimento -  o maior projeto em desenvolvimento no Polo e mais expressivo investimento da Basf fora da Alemanha (R$ 1,2 bilhão) - terá impacto significativo na balança comercial baiana, amenizando os efeitos da alta do dólar.

A nova perspectiva para o Polo e a indústria química nacional se dá justamente porque as principais matérias-primas do setor,  já em fabricação pela Basf no complexo baiano, até então só eram produzidas  fora  do Brasil. "Ou seja, com o Polo Acrílico, tais itens deixarão ser importados e ainda passarão a ser exportados, o que faz com que esse projeto seja ainda mais importante no momento atual da economia brasileira",  afirma o superintendente do Comitê de Fomento Industrial de Camaçari (Cofic), Mauro Pereira.

As previsões iniciais são de que o Polo Acrílico baiano favoreça a balança comercial em cerca de US$ 300 milhões: US$ 200 milhões da substituição de importações e US$ 100 milhões das exportações dos produtos.

Pelas estimativas do  Cofic, o empreendimento deve dar início à  produção em escala comercial até o início do segundo semestre. No momento, a empresa está na chamada fase de comissionamento da planta, quando são feitos testes de engenharia diversos, em processo produtivo crescente, até chegar a capacidade de produção em escala global:  mais de 160 mil toneladas por ano.

O complexo reúne três fábricas, que vão produzir   ácido acrílico, acrilato de butila e polímeros super absorventes. São matérias-primas usadas,  por exemplo, em tintas, resinas, adesivos, fraldas descartáveis, absorventes íntimos, além da aplicação nas  indústrias têxtil e de construção.

Para a economia local, o  empreendimento  representa a geração de 230 empregos diretos e 600 indiretos. Nacionalmente, destaca-se pelo efeito positivo em cadeia no setor  químico e no comércio externo brasileiro, já que o complexo baiano fará com que o país deixe a condição de importador para passar  a ser exportador dos produtos. (A Tarde)


 

...........................................................................................................................................................................

15/03/ - 09h02m
PROJETO RECUPERA ESTRADA VICINAL NO OESTE BAIANO


Fruto de uma parceria entre entidades públicas e privadas, a recuperação de uma estrada vicinal que passa pelos povoados Novo Paraná e Alto Horizonte, no município de Luís Eduardo Magalhães (a 940 km de Salvador, no oeste baiano), é motivo de contentamento entre agropecuaristas e familiares, colaboradores e moradores da região.

A obra viária faz parte do Projeto de Conservação dos Recursos Naturais da Lavoura de Algodão e Escoamento da Produção, conhecido também como Patrulha Mecanizada, que tem à frente a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa).

No terceiro ano de atuação na região do cerrado baiano, sempre em modelo de parceria, o projeto já concluiu 380 quilômetros de estradas, em vários municípios produtivos. Iniciados em fevereiro, os serviços na estrada Alto Horizonte  estão previstos para ser finalizados no próximo mês. Serão recuperados 45 km, afetando cerca de 50 mil hectares em produção e mais de mil habitantes.

Conforme o presidente da Associação dos Produtores da Linha Alto Horizonte, Fábio Ruediger, vários benefícios vêm com a reabilitação da estrada, além do fator econômico, pois o frete para receber insumos e escoar a produção é mais caro para lugares com estradas em más condições de tráfego. (A Tarde)


 

...........................................................................................................................................................................

13/03/ - 08h21m
INDÚSTRIA DE CALÇADOS INAUGURA UNIDADE EM SANTO ANTÔNIO DE JESUS


A indústria de calçados Ramarim vai inaugurar uma fábrica em Santo Antonio de Jesus, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), na próxima quinta-feira (19). Esta é a terceira unidade fabril da empresa na Bahia. Instaladas em Jequié, no centro-sul do estado, as outras duas fábricas empregam cinco mil trabalhadores.

A empresa gaúcha vai ocupar um galpão de 15 mil metros quadrados - localizado às margens da BR-101 – e gerar cerca de 700 empregos diretos na fabricação de sapatos femininos. Segundo o diretor da Ramarim, Sergio Renato Brodbeck, a unidade de Santo Antônio de Jesus pode chegar, ainda este ano, a empregar mil trabalhadores. “Tudo vai depender da demanda do mercado, mas a abertura dessa nova unidade justifica nossa aposta no Brasil e, sobretudo, na Bahia. Com o dólar valorizado, o calçado brasileiro volta a ser muito competitivo”.

Instalado na Bahia desde 1997, o grupo gaúcho Ramarim, fundado em 1962, possui duas unidades industriais em Jequié - a Ramarim e a Confortflex -, que produzem mais de 60 mil pares de calçados por dia para os mercados brasileiro e internacional. “A presença da Ramarim em Santo Antônio de Jesus significa que agora temos uma empresa sólida, capaz de liderar a ampliação da nossa indústria calçadista no Recôncavo”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, James Correia.

“Já temos um nome consolidado, com produtos de qualidade, principalmente para o público feminino. Estamos firme no mercado e pensamos positivo com a abertura dessa nova fábrica na Bahia, que já funciona em caráter experimental desde janeiro deste ano, empregando cerca de 500 funcionários”, acrescenta Brodbeck.
 
 

...........................................................................................................................................................................

12/03/ - 08h09m
PRIMEIRA EMBARCAÇÃO DE PESCA OCEÂNICA DA BAHIA REALIZA TESTES


A primeira das quatro embarcações para pesca oceânica, resultado de convênio entre a Secretaria da Agricultura da Bahia (Seagri), por meio da Bahia Pesca, Ministério da Pesca e Banco do Nordeste do Brasil (BNB), está ancorada no Terminal Pesqueiro de Salvador, finalizando os testes para entrar em operação.

Com capacidade para 35 toneladas de pescados, o barco, que recebeu o nome Coompi-I, foi entregue à Cooperativa de Pescadores de Itacaré, que receberá ainda outrora embarcação. A Cooperativa de Pescadores de Camaçari, no Litoral Norte, também será atendida com duas embarcações. Um segundo barco, de acordo com o estaleiro Estalbrás, de Maceió, está pronto, e outros dois em processo de construção.

Nesta quarta-feira (11), o secretário da Agricultura, Paulo Câmera, e o presidente da Bahia Pesca, Dernival Oliveira, visitaram a embarcação, que realizou testes dos equipamentos, pescando em mar aberto e retornando ao terminal com cerca de três toneladas de pescados. Parte dos peixes será doada às Obras Sociais Irmã Dulce, e o restante comercializado.

“A Bahia, com 1.200 quilômetros de costa, não tem frota de barcos de pesca em mar aberto. Essa realidade será mudada", disse o secretário. Para o diretor da Cooperativa de Pescadores de Itacaré, Agnaldo Green, “trata-se de uma mudança de estrutura que em muito vai influenciar as atividades de pesca na Bahia”.


 

...........................................................................................................................................................................

11/03/ - 08h31m
EMBRAPA E ESTADO PODEM ELABORAR PROJETO PARA FRUTICULTURA


Representantes da Empresa Mandioca e Fruticultura de Cruz das Almas, unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), se reuniram com o titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues, na sede da secretaria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, na segunda-feira (9), com o objetivo de elaborar um projeto para a agricultura familiar, na área de fruticultura, e estabelecer um diálogo com a SDR.

Segundo o chefe-geral da Embrapa, Domingo Haroldo Reinhardt, a visita à SDR foi importante porque mostrou que haverá uma interação, cada vez mais forte, da Embrapa com a secretaria. “A Embrapa possui um estoque de tecnologias da fruticultura bastante amplo e que, sendo bem utilizado, pode ajudar muito a melhorar a produtividade e a geração de renda para os fruticultores baianos”.

Domingo destacou ainda que viabilizar a boa integração entre a SDR, Embrapa e outros órgãos, como as universidades, os institutos federais, e os estudantes, é fundamental. “Somos a única unidade da Embrapa na Bahia e temos um compromisso com o estado e, principalmente, com a mandiocultura e a cadeia produtiva de fruteiras”.


 

...........................................................................................................................................................................

10/03/ - 08h33m
REFORMA EM FORTALEZAS DO PORTO DA BARRA COMEÇA EM MAIO


Construídos no século XVII para proteger Salvador, então capital do Brasil, dos ataques holandeses, os fortes de Santa Maria e de São Diogo, no Porto da Barra, viraram cartões-postais da cidade pelas mãos de um argentino, que aqui desembarcou em 1938, e de um francês, que chegou oito anos depois.

Fechado à visitação desde 2012, por conta das condições físicas, o Forte de Santa Maria será restaurado para abrigar a “casa” do fotógrafo Verger. Já o Forte de São Diogo, que ainda está aberto à visitação, também passará por obras para receber um centro em homenagem ao artista plástico Carybé.

“A licitação sai agora em março”, assegura o secretário municipal de Cultura e Turismo, Érico Mendonça. “Estamos colocando dentro do aniversário da cidade. A nossa expectativa é que em maio a gente assine o contrato e são seis meses de obra. Depois, mais dois meses para implantação da exposição permanente”, explica.

Embora tenha objetivo turístico e cultural, o projeto de obras e restauro das duas estruturas será feito pela Secretaria Municipal de Manutenção (Seman). Os dois espaços serão inaugurados simultaneamente.

Os R$ 3,5 milhões, recursos para reforma e restauro, vêm da prefeitura de Salvador. Serão R$ 2 milhões aplicados nas obras do Forte de São Diogo e mais R$ 1,5 milhão destinado às intervenções no Forte de Santa Maria. (Correio)

 

...........................................................................................................................................................................

09/03/ - 12h18m
LABORATÓRIO BAIANO LANÇA 45 NOVOS PRODUTOS EM FEIRA DO SETOR FARMACÊUTICO


O Grupo Natulab vai lançar 45 novos produtos na Abradilan Farma, maior feira do setor farmacêutico, que será realizada de 18 a 20 de março, em São Paulo, capital. A empresa é a única do segmento que já participou de todas as 11 edições do evento e este ano vai apresentar lançamentos nas linhas farma, suplementos alimentares, nutrição esportiva, enterais, semissólidos e dermocosméticos.

A Abradilan Farma será realizada na Expo Center Norte e a expectativa é reunir 20 mil visitantes, entre empresários, executivos, distribuidores e representantes.

O espaço do Grupo Natulab terá 10 salas de reuniões em um stand com 220m², localizado na entrada principal do evento.  “Estamos prontos para receber nossos parceiros e sermos mais uma vez destaque na feira. Nosso objetivo também é a prospecção de novos clientes”, diz Marconi Sampaio, presidente do Grupo Natulab.

O Grupo foi fundado em 2000, e segundo dados do IMS Heath, empresa de audita o mercado farmacêutico, hoje ela é a 18ª corporação farmacêutica do país e 1ª do Nordeste, em unidades comercializadas. 


 

...........................................................................................................................................................................

09/03/ - 11h13m
OESTE BAIANO GANHA MAIOR LATICÍNIO DO PAÍS
 
 
Em 2016,  Jaborandi, município do oeste baiano, vai ganhar um laticínio que será o maior do país. Com um investimento de quase R$ 10 bilhões,  a projeção é que gere 7 mil empregos diretos. A Agri Brasil, dona do empreendimento, pretende produzir na área um milhão de litros de leite por dia, retirados de 200 mil vacas de alta produtividade, que serão importadas dos Estados Unidos.

Parte dessa produção vai ser exportada para a China, mas também será vendida no mercado interno. O Brasil tem déficit nessa produção e importa US$ 500 milhões em leite por ano. Na semana passada, dois dos sócios, o goiano Antônio Martins e o holandês Kees Koolen - outro holandês, Willy van Bakel, também integra a sociedade -, reuniram-se com o secretário de Agricultura, Paulo Câmera.
 
Koolen e van Bakel tem vasta experiência com leite. Esse último já desenvolveu mais de 50 fazendas produtoras  nos EUA, mas de menor porte. Eles pretendem implantar o modelo  holandês  de produção na Bahia. "Isso vai alterar significativamente todas as relações econômicas da região, e trará para o estado novas tecnologias", disse o secretário. Ele ainda destacou o potencial para dobrar a participação do oeste no PIB estadual, hoje de 1,5%. Prefeito de Jaborandi, Assuero Alves acredita que a iniciativa pode aumentar a produtividade. "O Brasil tem uma das piores  do mundo, apesar do rebanho grande. O projeto pode nos trazer uma melhoria genética. Lá na frente, alguns desses animais podem ser vendidos para outros produtores".
 
O governo do estado deve dar à empresa os incentivos fiscais do programa Desenvolve. Também se comprometeu a ligar a BR-349 com o empreendimento. A área do projeto  é de 40 mil hectares, que serão divididos em quatro fazendas e um núcleo processador, produtor de leite em pó.  Cada fazenda será um investimento de R$ 2,4 bilhões.  Martins diz que a intenção é que os sócios entrem com 20% do capital e o restante venha de financiamentos e investidores.


 

...........................................................................................................................................................................

09/03/ - 08h21m
FESTIVAL DE UMBU DE UAUÁ CELEBRA AVANÇOS DA AGRICULTURA FAMILIAR


A 7ª edição do Festival do Umbu, no município de Uauá, localizado no Território do Sertão do São Francisco, começou nesta sexta-feira (6). O secretário de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, representou o governador Rui Costa na abertura do evento que acontece até sábado (7).

Também estiveram presentes o secretário do Meio Ambiente, Eugênio Spengler, o diretor executivo da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Wilson Dias, parlamentares, trabalhadores rurais, técnicos e lideranças da região.

“Hoje estamos fazendo uma celebração de avanços, de expansão deste festival. Tivemos sucesso porque o evento faz parte de um amplo e bem elaborado projeto de governo. É essa expansão que vamos consolidar e levar a outros municípios, fomentando o debate da agricultura familiar na Bahia”, disse o titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

Realizado pela Cooperativa Agropecuária de Canudos, Uauá e Curaçá (Coopercuc), com apoio da SDR e da CAR, entre outras instituições, o festival reúne mais de 50 mil visitantes e representantes de cooperativas, que mostram seus produtos em estandes.

Para o presidente da Coopercuc, Adilson Ribeiro, a agricultura familiar na Bahia ganhou reforço com a criação de uma secretaria ligada diretamente às questões do homem do campo. “É muito importante esse compromisso com todos nós cooperados. É gratificante sabermos que temos pessoas do governo sensíveis à nossa causa”.

Antes da abertura do festival, Jerônimo Rodrigues esteve na agroindústria de beneficiamento de frutas implementada pela CAR - vinculada à SDR - no âmbito do programa estadual ‘Vida Melhor’, totalizando investimentos de R$ 1,4 milhão. Cooperados, técnicos, lideranças e autoridades locais acompanharam o secretário na visita.
 

...........................................................................................................................................................................

06/03/ - 10h02m
IBAMETRO RENOVA FROTA DE VEÍCULOS


O Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), renovou a frota de veículos locados. A entrega dos automóveis às equipes de fiscalização aconteceu na quinta-feira (5), no pátio do estacionamento do órgão, no CIA.

De acordo com o novo diretor do instituto, Randerson Leal, 35 novos automóveis estão sendo disponibilizados para o trabalho nas oito Agências Regionais, em substituição aos 31 veículos usados. São 33 kangoo (Renault) e dois gols (Volkswagen), estes últimos vão ajudar na fiscalização de radar (medidor de velocidade).

Todos os carros estão equipados com dispositivos de telemetria e controle total da frota (CTF), atendendo à padronização das especificações técnicas estabelecidas pela Secretaria da Administração do Estado da Bahia (Saeb).

 

...........................................................................................................................................................................

04/03/ - 11h07m
GOVERNO DO ESTADO DÁ NOVO DIRECIONAMENTO À POLÍTICA DE ATRAÇÃO DE EMPRESAS

 


O governo do estado pretende dar novo direcionamento à política de atração de empresas focando mais no preenchimento de lacunas nas cadeias produtivas e muitas vezes atraindo pequenas e médias empresas para compor a matriz produtiva.

É o caso da cadeia de calçados, segmento no qual o governo vem fazendo um grande esforço para atrair empresas e integrar a cadeia produtiva. Nesse sentido, a Secretária de Desenvolvimento Econômico está negociando, por exemplo, com a Mastrotto  para que a empresa, que fabrica couro para exportação, passe a fabricar couro para calçados, fornecendo matérias-prima para fábricas instaladas na Bahia.

O setor de calçados é prioritário para o Estado e desde que a Azaléia fechou às portas o governo trabalha para atrair empresas e ampliar as existentes, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, James Correa.

É o caso da Lia Line, do Grupo Irmãos Soares, instalada na Bahia desde junho de 2013, ocupando dois galpões onde antes funcionavam as fábricas da Azaléia/Vulcabras, em Itororó, no Sudoeste, que está praticamente dobrando o seu investimento inicial de R$ 6,7 milhões. 

Cerca de 90% da mão-de-obra da fábrica da Lia Line é composta por ex-funcionários da Azaléia/Vulcabrás, com experiência na área calçadista – um dos fatores que contribuíram para a tão rápida expansão da empresa em Itororó e região. Jequié e Itarantim são outras cidades que podem receber novas fábricas de calçados.

" A maior parte dos 17 galpões da Azaléia/Vulcabrás, localizado em 15 municípios já estão sendo ocupados" , disse o Secretário James Correa ao Bahia Econômica e completou reiterando o enfoque nas cadeias produtivas:

“ Estamos trabalhando agora não apenas para atrair empresas, mas para densificar as cadeias produtivas, como é o caso da área de calçados, de pneus, onde a Braskem pode produzir SBR, borracha sintética, e já temoS o negro de fumo e na cadeia petroquímica onde a Basf está prospectando empresas que usem o ácido acrílico que será produzido por ela."
  

...........................................................................................................................................................................

04/03/ - 07h58m
PARTICIPAÇÃO DA BAHIA NAS OLIMPÍADAS DE 2016 É OFICIALIZADA PELO GOVERNO

 
Foi oficializada na manhã desta terça-feira (3), a escolha da Bahia para receber cerca de 10 jogos de futebol dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. O acordo entre o Estado e o Comitê Organizador foi firmado em reunião na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), com a assinatura da carta de intenção pelo governador Rui Costa. Além de sediar os jogos em Salvador, na Arena Fonte Nova, o estado deve receber seleções em centros de treinamento que serão definidos para as etapas preparatórias, antes das partidas começarem.
 
O comitê apresentou a proposta e falou sobre aspectos relevantes para a recepção dos atletas, jogos e turistas, como a infraestrutura da cidade, com estádio oficial, campos de treinamento, transporte público para atender principalmente aos locais de competição, segurança, acomodações e oferta de serviço de saúde. Para o diretor executivo de operações do comitê, Marco Aurélio Vieira, a infraestrutura da capital baiana foi decisiva para a escolha.  “A única competição que não se realiza no Rio de Janeiro é o futebol, e Salvador não poderia ficar de fora”, explicou Marco Aurélio.
 
Apoiando à vinda dos jogos para a Bahia, o governador Rui Costa, acompanhado do secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Álvaro Gomes, afirmou durante a reunião que formará um grupo de trabalho, com diversos órgãos e sob liderança da Setre, para acompanhar e organizar a vinda dos jogos e seleções. “Mais uma vez, assim como na Copa [do Mundo], teremos os olhos do mundo voltados para a Bahia, e teremos condições de receber ainda melhor os atletas e turistas. Temos obras importantes na cidade que estarão prontas e sendo finalizadas até 2016, como a extensão do Metrô e as avenidas Gal Costa e 29 de março. Com elas, vamos apresentar ainda melhor a Bahia para o mundo inteiro”, afirmou o governador. 
 
Além de Salvador, as cidades de Belo Horizonte e Brasília também foram visitadas pelo Comitê Olímpico para recepcionar as 28 seleções da competição de futebol, entre equipes femininas e masculinas. Os jogos começam no dia 3 de agosto, antes mesmo da abertura oficial das Olimpíadas - marcada para 5 de agosto de 2016 -, mas as cidades já devem estar preparadas para receber as seleções antes do torneio, nos centros e campos de treinamento, além de acomodações reservadas para atletas e comissões.


 

...........................................................................................................................................................................

02/03/ - 10h51m
GOVERNO INAUGURA PRAÇA DA CIÊNCIA NO INTERIOR DO ESTADO


Com o objetivo de popularizar a ciência entre os jovens, foi inaugurada, neste sábado (28), a Praça da Ciência da cidade de Mulungu do Morro, com a presença do governador Rui Costa e do secretário da Secti, Manoel Mendonça. O projeto da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado da Bahia prevê a instalação de equipamentos educativos nos espaços cedidos pelas prefeituras.

 O secretário Manoel Mendonça afirmou que de forma lúdica os brinquedos explicam princípios físicos que são ensinados em sala de aula. “Os jovens podem conferir na prática, brincando. Essa é a segunda praça inaugurada no estado e já estão previstas mais 38, numa primeira etapa do nosso projeto, mas o nosso objetivo é que esse número cresça", assegurou.

Os oito equipamentos de base científica, construídos com materiais reciclados, foram instalados em um espaço da praça central do município. A bicicleta geradora, juntamente com as conchas acústicas, harpa, alavanca, gangorra, cadeira giratória, balanços de comprimentos diferentes e basquete giratório tiveram bastante receptividade, principalmente entre os jovens.


 

...........................................................................................................................................................................

27/02/ - 11h05m
OESTE DA BAHIA PODE RECEBER R$ 200 MILHÕES EM INVESTIMENTOS
 
 
O secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, foi o entrevistado da semana do Correio da Bahia e admitiu que a região Oeste enfrenta dificuldades para continuar se desenvolvendo, mas garantiu que o governo do estado está se empenhando em resolver questões ligadas ao transporte e logística para escoamento da produção, um dos principais problemas apontados pelos produtores locais.
 
Para auxiliar na logística de escoamento da produção, Cavalcanti informa que diversas obras estão sendo feitas nas estradas num investimento de R$ 200 milhões. Porém, ressaltou o alto custo deste tipo de obra no Oeste. Segundo ele, estão sendo feitas obras no trecho de Jaborandi para Correntina, que vai até Minas Gerais, além de trechos que passam por Luís Eduardo Magalhães e vão para o Tocantins, dentre outros. 
 
“Estamos reivindicando para o PAC 3 a inclusão do trecho de Mansidão para Santa Rita de Cássia. Também estamos estudando rodovias na área de Jaborandi para apoiar o polo leiteiro. No contrato, prevemos manutenção de cinco anos”. Ainda segundo o gestor, dois aeroportos estão previstos no Plano de Aviação Regional do governo federal - o de Barreiras e o de Santa Maria da Vitória.

Segundo o secretário os gargalos do desenvolvimento são: transporte Energia elétrica, serviços e mão de obra qualificada. Em todos os pontos o governo do estado pretende realizar obras de melhoria e fazer investimentos.


 

...........................................................................................................................................................................

27/02/ - 08h18m
PARTE DAS OBRAS DA FEIRA DE SÃO JOAQUIM SERÁ ENTREGUE EM JULHO


O andamento das obras da Feira de São Joaquim, em Salvador, foi discutido nesta quinta-feira (26), entre feirantes e o secretário estadual do Turismo, Nelson Pelegrino, em reunião no tradicional centro de abastecimento.

O secretário ouviu as demandas e anunciou que a área da enseada, que inclui cais para embarcações de turismo e de carga, será entregue em julho. O novo espaço terá restaurantes, além de boxes e bancas, onde serão comercializadas mercadorias como frutos do mar, artesanato e artigos religiosos.

Uma assembleia na segunda semana de março foi marcada para tratar da nova fase da requalificação, que engloba a área central da feira. Entre as propostas a serem apresentadas estão a adoção de modelo similar à reforma do Mercado do Rio Vermelho, com alocação dos comerciantes em pontos próximos à feira, além da construção de estrutura pré-moldada e cobertura, que facilitará o trânsito de pessoas. Outro ponto da pauta será o modelo de gestão das áreas comuns da feira.

 

...........................................................................................................................................................................

26/02/ - 10h24m
SECRETARIAS FIRMAM PARCERIA PARA ELABORAÇÃO DE MAPA SOLAR DA BAHIA


As secretarias estaduais de Infraestrutura (Seinfra) e de Ciência, Tecnologia e Informação (Secti) firmaram parceria para iniciar ainda em 2015 a elaboração do Atlas Solarimétrico da Bahia.

Equipes dos dois órgãos vão mapear as regiões do estado, onde ocorre maior incidência de raios de sol, para gerar energia fotovoltaica. A previsão é que até o final deste ano  o primeiro esboço da ferramenta seja apresentado.

A decisão foi tomada em reunião com os secretários Marcus Cavalcanti (Seinfra) e Manoel Mendonça (Secti), no início de fevereiro, em conjunto com suas equipes. As primeiras ações para a concretização do mapeamento e elaboração do Atlas do Potencial Solar da Bahia já estão em andamento e espera-se que a ferramenta auxilie o planejamento das políticas de desenvolvimento energético no estado. 

 

...........................................................................................................................................................................



Rua Dr. José Peroba, 297, edf. Atlanta Empresarial, sala 1503 - Stiep - Salvador CEP: 41.770 - 235 - Tel: 3037 - 2960