NOTICIA
politica

politica

QUAL A SUA OPINIÃO SOBRE A COBRANÇA DA TAXA DE FORO PELA PREFEITURA DE SALVADOR?

“O estado está entregue ao crime organizado e o governo não reage à altura. São mais de 150 bancos assaltados este ano, mais de 36 mil baianos assassinadas na gestão de Jaques Wagner”.

Candidato ao governo, Paulo Souto, ao criticar a criminalidade na Bahia.


 

Notícias

05/08 - 11:30hs
BIOFUNGICIDA QUE COMBATE VASSOURA DE BRUXA SERÁ COMERCIALIZADO ESTE MÊS


Já começou a ser produzido o primeiro lote do biofungicida capaz de combater a vassoura de bruxa, segundo a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac). O produto deve ser comercializado ainda este mês, e deve custar em torno de R$ 5 o quilo do produto.
 
De acordo com o produtor rural, Guilherme Galvão, que participou dos testes do biofungicida, houve grande melhora nos locais da sua propriedade em que o produto foi aplicado. “Eu usei na propriedade de 18 equitares de cacau de Itajuípe. Fizemos três aplicações no primeiro ano, fizemos três aplicações no segundo e do terceiro fizemos só duas aplicações. Lá melhorou sensivelmente. Eu tenho até hoje um ataque muito pequeno de vassoura”.

A vassoura de bruxa é uma doença causada por um fungo que chegou no Brasil há 20 anos e fez a produção de cacau cair em menos da metade no país.

Conforme o fitopatologista João Costa, o biofungicida atua como parasita do fungo das vassouras de bruxa. “Esse fungo coloniza a vassoura de bruxa competindo por espaço e nutriente com o fungo que está no interior da vassoura seca. Consequentemente o biofungicida não deixa produzir estruturas reprodutivas na vassoura de bruxa. Com isso o fungo da vassoura não tem condições de se perpetuar na natureza”. (G1)


Desenvolvido por: Michael Sants