COLUNISTAS

QUAL A SUA OPINIÃO SOBRE A ADOÇÃO DO HORÁRIO DE VERÃO NA BAHIA?

FRASE DO DIA

“Em qualquer lugar, em qualquer empresa, têm pessoas que fazem malfeitos. O que você tem que fazer é investigar. Quem joga corrupção para baixo do tapete, quem não investiga, não descobre. Eu quero lembrar que tudo o que está ocorrendo, que está sendo revelado sobre a Petrobras, foi investigado pela Polícia Federal, um órgão do governo federal vinculado ao Ministério da Justiça. Portanto, nós sempre demos extrema liberdade para a Polícia Federal fazer todas as investigações”.

Presidente Dilma Rousseff ao comentar investigações de corrupção.
 

GOVERNO DO ESTADO VAI TROCAR DÍVIDA EM REAL POR DÓLAR E AMPLIAR A DÍVIDA EXTERNA
28/06 - 07:33hs -




A Assembleia Legislativa do Estado aprovou por maioria, em votação simbólica, tendo a oposição votado contrário, autorização para que o governo do Estado contrate  empréstimo de US$2,1 bilhões, solicitação feita pelo governador Jaques Wagner. 

Segundo o governo, o projeto tem por objetivo melhorar o perfil de dispêndios da dívida com a substituição do contrato atual por uma dívida com custos mais baixos, mas o novo empréstimo será em moeda forte e com instituição de crédito privada. 
 
A contratação será feita junto ao Bank of America Merril Lynch, um banco privado que geralmente pratica juros maiores que outras instituições desenvolvimentistas como o Banco Mundial.

O governo afirma que trata-se de uma substituição de dívida, trocando-se o empréstimo a juros mais baixos do que os praticados pela dívida pública, para amortizar essa mesma dívida e  ampliar a capacidade de endividamento do Estado.

Ocorre que essa substituição implica na troca de uma dívida em real por uma dívida em dólar.  Esse tipo de  endividamento traz o risco ligado à variação do câmbio, que se torna mais grave com a atual tendência atual de alta do dólar.

Em 2008, por exemplo, muitas empresas brasileiras quebraram por conta do alto endividamento em dólar, que fez suas dívidas aumentarem fortemente por conta do aumento na cotação do dólar.
 
A oposição apresentou emenda, mas o deputado Adolfo Menezes (PSD), que leu o parecer oral em plenário, defendeu a aprovação do texto originalmente proposto.

 



Rua Dr. José Peroba, 297, edf. Atlanta Empresarial, sala 1503 - Stiep - Salvador CEP: 41.770 - 235 - Tel: 3272 - 2960